PELO FIM DA POBREZA MENSTRUAL APROVA JÁ PL 4968/2019


A pobreza menstrual não consiste somente na falta de recursos para a aquisição de itens de higiene íntima, mas, em especial, na inexistência de informação e a forma como o tema ainda é visto pela sociedade. O tabu e a falta de acesso a saneamento básico e a produtos para autocuidado menstrual afetam milhares de adolescentes no Brasil fazendo com que corram riscos à saúde, parem de ir à escola e tenham suas possibilidades de desenvolvimento limitadas.

A Associação Internacional Maylê Sara Kalí (AMSK/Brasil) manifesta o apoio ao Projeto de Lei nº 4968/2019 que institui o Programa de Proteção e Promoção da Saúde Menstrual; e altera a Lei nº 11.346, de 15 de setembro de 2006, de autoria da Deputada Federal Marília Arraes. Atualmente, o PL tramita no Senado Federal e aguarda decisão em plenário. Pressione suas parlamentares e seus parlamentares eleitos para votarem a favor da dignidade da pessoa humana e assegurar o direito básico de saúde e higiene menstrual das meninas, adolescentes, jovens e mulheres.

Junte-se a nós nessa campanha pelo fim da pobreza menstrual no país.

#AbsorventesGratuitoparaTodas

#EducaçãoMenstruçãoSemTabu

#MaisAbsorventesMenosTabu


Postagens mais visitadas deste blog

COMUNICADO PÚBLICO #VidasRomanyImportam

DIA DA RESISTÊNCIA ROMANI - 16 de Maio

#VidasRomanyImportam