SALVE VIDAS. DENUNCIE! ACESSE AS NOVAS FERRAMENTAS DO DISQUE 100 E DO LIGUE 180.




Em reunião extraordinária do Conselho Nacional dos Direitos da Mulher, no dia 29 de abril, a Ouvidoria Nacional do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos apresenta a nova Plataforma, que além do Disque 100 e do Ligue 180, traz algumas novidades. Agora, para auxiliar pessoas com deficiência auditiva há um atendimento via Chat que contará com um profissional na linguagem de libras, online.
A outra novidade é que agora você tem mais uma forma para fazer sua denúncia. Acesse https://ouvidoria.mdh.gov.br onde há indicadores e outros dados para consulta pública ou instale o aplicativo Direitos Humanos Brasil.
Assim, de forma simples, foi ampliado o acesso da população para denunciar e/ou acompanhar a sua denúncia, mesmo que anônima.
Com o crescente aumento da violência, principalmente a doméstica, cada vez mais se faz necessária a denúncia, pois somente essa prática pode inibir a agressão. Lembre-se que só haverá uma segunda vez, se a primeira ficar impune!
É preciso que o agressor saiba que será penalizado, assim como nós mulheres precisamos mudar essa cultura que mulher tem que ser submissa!
Nesse momento em que estamos atravessando essa pandemia, vemos crescer o abuso de álcool e outras drogas, que por si geram comportamentos agressivos e/ou violentos. Imaginem nesse momento em que estamos cerceados de nossa liberdade de ir e vir (embora necessário), preocupadas com o trabalho, com a renda, com os filhos, com tantas incertezas, angústias, que frequentemente a agressividade e a intolerância se exacerbam. Porém, nem assim podemos compactuar com ela. Nesse momento é que precisamos nos proteger e, sobretudo, proteger nossas crianças, usando os mecanismos de proteção que o Estado nos oferece.
 Disque 100 para denunciar violências contra crianças e adolescentes, inclusive abuso e violência sexual. Também para denunciar violências contra pessoa idosa, pessoa com deficiência, e população LGBTI.
Ligue 180 para denunciar violências, reclamações sobre a rede de atendimento à mulher e informá-la sobre seus direitos.
Ambos são confidenciais e podem ser anônimos.
Salve vidas. Denuncie !!!!!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Porrajmos – O Holokausto Romani

AS DORES QUE O TEMPO NÃO DEVE APAGAR

NOTA DE REPÚDIO -