Pular para o conteúdo principal

HUNGRIA E SEUS QUASE 1 MILHÃO DE RROMÁ.

Não é segredo para ninguém a admiração e o carinho que temos pela Union Romani da Espanha e em especial pelo seu presidente Juan de Dios Ramirez Herêdia. Um pedaço dessa admiração se encontra estampado na força e na garra desse gitano - calon, que não aceitou a fatalidade e buscou construir sua vida em prol dos seus. É um brilhante advogado e agora Vice presidente da IRO - desde as eleições em abril deste ano.
Quando muitos pensam em sí mesmos e seus domínios, o pensamento desse homem alcança paises. Essa é a diferença, fronteiras são feitas para delimitar terras, não solidariedade, não irmãos, não a Rromá.
Esperamos que o separatismo que ora se prega no Brasil, por parte de alguns, acabe. Sabemos que vai demorar algum tempo, mas se lutarmos pela educação, a compreensão de coisas simples podem avançar.
Caso o Brasil se cale, ante a situação vergonhosa de cidadãos e cidadãs brasileiras de etnia romani, caso os irmãos se calem, não teremos nenhuma condição de avançar no cenário maior, onde não há diferença de etnias, mas tão somente liberdade de pensamento.

AMSK/Brasil




                                                                          Barcelona, 6 de agosto de 2013


Excma. Sra. Doña EDIT BUCSI SZABÓ
Embajadora de la República de Hungría en España
Calle Fortuny, 6, 4º, izq..
28010 Madrid

Excma. Sra.:

Hemos tendido conocimiento de la gravísima situación por la que atraviesan miles de ciudadanos de su país, mayoritariamente pertenecientes a la comunidad gitana, habitantes de la ciudad de OZD, a los que se les ha suprimido el suministro de agua potable.

Como usted bien sabe, la ciudad de OZD, perteneciente al condado de Borsod-Abaúj-Zemplén, tiene una población de más de 35.000 habitantes de los que aproximadamente un tercio son gitanos. Estamos hablando, pues, de muchos miles de personas.

El alcalde la ciudad, el señor Mihály Benedek, ha ordenado el cierre de las 27 bombas que proporcionaban agua a más de 500 familias gitanas que se han visto privadas de toda posibilidad de acceder al agua potable indispensable para la supervivencia. Igualmente hemos tenido conocimiento de que las autoridades han ordenado bajar la presión de otros 62 grifos públicos de tal forma que el hilo de agua que suministran ocasiona que se necesiten muchos minutos para llenar una simple botella.

Señora Embajadora, quienes más sufren las consecuencias de esta restricción son los más pobres, en este caso los gitanos, que no tienen agua corriente en sus casas y que se ven obligados a hacer largas colas ante esos misérrimos y debilitados grifos. El alcalde dice que no tiene dinero para pagar la factura del agua de las fuentes públicas y en consecuencia deja tan solo dos grifos, ─los más cercanos al lugar donde viven los gitanos─ que están a una distancia de más de un kilómetro y medio de sus casas. Estas criaturas, señora embajadora, se pasan el día yendo y viniendo desde la fuente a sus casas bajo un sol abrasador. La temperatura estos días en OZD ha rondado los 40 grados.

La Comisión Permanente de la Junta Directiva de la Unión Romani española, reunida con carácter de urgencia, quiere reclamar de S.E. la intermediación ante el Ayuntamiento de OZD, y ante el Gobierno de su país para que se ponga fin de forma inmediata a esta insostenible situación. Es inconcebible que en la Europa de los Ciudadanos haya quien tenga en peligro su higiene, su salud y en definitiva su vida porque el Ayuntamiento determine cerrar el suministro de agua potable arguyendo que no tiene dinero para pagar la factura. Estamos seguros de que a usted, como a nosotros, se le ocurrirá suprimir otros gastos menos vitales que los originados por garantizar el agua a los más pobres y marginados de su entrañable país.

Traslade nuestra voz angustiada y exigente, señora Embajadora, a su Gobierno. Y con ella nuestro respeto al pueblo húngaro donde viven y conviven casi un millón de ciudadanos Rromá.

Atentamente,
                                                      
                                                   Juan de Dios Ramírez-Heredia
                                                      Presidente de Unión Romani Española
                                                      Vicepresidente de Unión Romani Internacional

Postagens mais visitadas deste blog

COMUNICADO PÚBLICO #VidasRomanyImportam

  COMUNICADO PÚBLICO #VidasRomanyImportam É preciso dizer #Dosta #Basta   A Union Romani Iternactional – IRU/ Office Agency Brazil , por meio do escritório da AMSK/Brasil e de seus delegados/membros do Brasil e da Argentina, AICRON/Brasil, Observatorio de Mujeres Gitanas/AR - BR, Leshjae Kumpanja, ZOR/AR, Federação Romani e Academia de Letras Romani, Urban Nômades e suas representações estaduais , vem por meio desta expressar sua preocupação com a escalada de violência que está acontecendo no estado da Bahia desde o dia 13 de julho de 2021 – no município de Vitória da Conquista e redondezas.   #VidasRomanyImportam  #RomanyLivesImport   “São dias de terror” dizem alguns, outros relatam cenas de chacina, pavor e queima de carros e casas. No meio desse estouro de mais um episódio de violência, estão: um adolescente, mulheres vítimas de arma de fogo, crianças e idosos. Precisamos falar das manchetes midiáticas que retiram a identidade dessas pessoas e coaduna

#VidasRomanyImportam

 Sobre o caso: VITÓRIA DA CONQUISTA/BA Hoje, dia 19 julho de 2021 várias reuniões aconteceram e espera-se que tudo corra bem. As perseguições aos dois cidadãos acusados da morte dos dois policiais no dia 13/07 continua e foram elencados como criminosos mais seis membros da mesma família. Várias barreiras foram feitas. Consta também que várias pessoas pertencentes a família dos acusados, seguem presos... OPERAÇÃO MARTINELLI - esse é o nome apresentado de uma operação que começou ano passado, segundo a SSP/BA... https://agenciasertao.com/2021/07/19/policia-ainda-procura-por-seis-envolvidos-em-assassinatos-de-pms-na-zona-rural-de-vitoria-da-conquista/ https://agenciasertao.com/2020/07/16/operacao-prende-acusados-de-participar-do-assassinato-de-irmaos-em-carinhanha/ https://g1.globo.com/ba/bahia/noticia/2020/07/29/homem-suspeito-de-integrar-quadrilha-apontada-como-responsavel-por-morte-de-irmaos-e-preso-na-ba.ghtml Pelo que se pode observar, foram: 2 Policiais mortos; 4 irmãos mortos (send

DIA DA RESISTÊNCIA ROMANI - 16 de Maio

Sinti e Roma sempre lutaram contra a privação de seus direitos e seu registro “racial” desde o início. Eles protestaram contra leis discriminatórias e tentaram obter a libertação de membros da família deportados através de petições ou intervenção pessoal. “Muitos dos nossos homens estavam na Grande Guerra e lutaram pela pátria, assim como por qualquer outra. No entanto, o Dr. Portschy não considerou isso. Dr. Portschy tirou todos os nossos direitos civis ... Sempre fomos católicos romanos e, portanto, vejo-me forçado a apresentar uma queixa de todos nós nos mais altos cargos do governo do Reich. ”(Carta de protesto de Franz Horvath de Redlschlag ao governo do Reich datado de 12.5.1938) Nota: Tobias Portschy, primeiro Gauleiter de Burgenland, foi uma das forças motrizes da “política racial” dirigida aos Sinti e Roma depois do “Anschluß” da Áustria. Poucas semanas depois de escrever a carta, Franz Horvath, 63 anos, foi preso como “manifestante” e deportado para o campo de con