DIA INTERNACIONAL EM MEMÓRIA DAS VÍTIMAS DO HOLOCAUSTO – 27 JANEIRO



Os horrores promovidos pelo regime nazista, agravados durante o período da II Guerra Mundial, adquiriram grande visibilidade nas últimas décadas. Porém, ainda é pouco conhecido, reconhecido e divulgado o massacre da população romani e a perseguição étnica sofrida por este grupo neste período.

O resgate desta história, feito nas últimas décadas, revela que no período de 1939 a 1945, homens e mulheres romani foram sistematicamente perseguidos, presos, enviados a campos de concentração, utilizados em “experimentos médicos” e assassinados.

Após o fim da II Guerra Mundial, estes eventos foram muito pouco divulgados e a morte de cerca de 500 mil homens e mulheres romani durante o holocausto foi praticamente esquecida. Este é considerado o maior genocídio da população romani na Europa em toda a sua história, tendo provocado o extermínio de três quartos da população romani europeia.

Apenas em 1979, o parlamento da Alemanha Ocidental reconheceu que a perseguição nazista aos ciganos tinha motivações racistas. Em 2012, foi inaugurado em Berlim o Memorial às Vítimas Ciganas do Holocausto.


Saiba mais. Acesse... Porrajmos – Holocausto Cigano


Postagens mais visitadas deste blog

NOTA PÚBLICA DO CONANDA SOBRE A DECISÃO DO STF QUE PÔS FIM À VINCULAÇÃO HORÁRIA DA CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA (ARTIGO 254 DO ECA)

RESOLUÇÃO CONANDA Nº 180 DISPÕE SOBRE A IGUALDADE DE DIREITOS DE MENINAS E MENINOS

PROJETO KALINKA PROMOVE AULA TEMÁTICA AOS DISCENTES DO CURSO DE SAÚDE COLETIVA DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA