UnB tem primeira estudante cigana com doutorado





Quando as coisa começam a andar e a construção identitária.



AMSK/Brasil


Postagens mais visitadas deste blog

Porrajmos – O Holokausto Romani

AS DORES QUE O TEMPO NÃO DEVE APAGAR

NOTA DE REPÚDIO -